Área de intervenção nas empresas: Gestão para a competitividade das PME

Objetivo geral: Melhorar e incrementar a competitividade.

Linhas orientadoras:

Em função dos resultados do diagnóstico, pretende-se que as empresas:
•    Desenvolvam processos de gestão mais ajustados;
•    Adotem um posicionamento mais competitivo;
•    Elaborem uma estratégia e um modelo de negócio mais eficazes;
•    Otimizem o planeamento, a organização, a execução e o controlo de gestão das várias áreas funcionais.

Público-alvo: Micro, pequenas e médias empresas das regiões Norte, Centro e Alentejo

Apoio: O apoio a conceder tem a contribuição do FSE limitada a 90% das despesas elegíveis, excluindo as remunerações dos ativos empregados em formação durante o período normal de trabalho, conforme previsto na alínea f) do n.º 1 do art.º 50.º do RECI.

A metodologia prevê:

  • 119 horas de formação, distribuídas por 8 workshops de 14 horas (2 dias) e 1 workshop final de 7 horas (1 dia);
  • 78 horas de consultoria por PME, distribuídas por 24 sessões ao longo da intervenção.

Temas/Programa

Plano de Intervenção

Ficha de Inscrição

compete2020_11-554x68