Apenas as faturas com Número de Identificação Fiscal (NIF) dos membros do agregado familiar poderão ser deduzidas no IRS.
Esta validação deverá ser feita até dia 15 de fevereiro de 2017.

A senha de acesso é necessária para aceder ao Portal das Finanças e ao EFatura, onde poderá consultar, verificar e validar as mesmas. Caso não a tenha pode solicitá-la, acedendo a Serviços Tributários/ Registar-me/ Pedir Senha.

A senha será enviada pelo correio e chegará a sua morada nos cinco dias úteis seguintes a data do pedido. Se não se lembra da sua senha poderá efetuar um pedido de recuperação de senha, e a mesma chegará num prazo máximo de cinco dias úteis.

Passos para a confirmação das faturas

1º Passo – Aceda ao site EFatura, selecione a opção “Sr. Consumidor”.

Insira o seu NIF e a senha, que é a mesma de acesso ao Portal das Finanças.

2º Passo – Após autenticação, é dirigido para a página principal onde poderá aceder à informação das faturas e complementar a informação.
De imediato aparece um quadro resumo das faturas registadas com o seu NIF. Poderão ainda existir faturas na situação “Pendentes”, e são estas que precisam de ser confirmadas, indicando o setor de atividade.

3º Passo –  Para cada uma das faturas escolha atividade a que se refere selecionando o respetivo ícone, nomeadamente: despesas gerais familiares, saúde, educação, habitação, lares, reparação de automóveis, reparação de motociclos, restauração, alojamento ou cabeleireiros.

Clique em “guardar” de cada vez que altere os dados.

4º Passo – Se exerce uma atividade, deverá assinalar se a prestação de serviços ou aquisição de bens foi efetuada dentro ou fora do âmbito da atividade profissional.

5º Passo – Associar uma receita médica: poderão surgir faturas associadas ao setor da saúde com taxa normal (23% no Continente, 22% na Madeira e 18% nos Açores). Nestes casos, será necessário associar a respetiva receita médica, indicando o valor dos bens ou serviços adquiridos à taxa normal que constem na mesma.

Caso não encontre faturas pedidas com número de contribuinte no site, pode registar essas faturas manualmente.

Pode verificar o valor de deduções no quadro resumo: