Ministro da Administração Interna anunciou este domingo novas medidas para conter a propagação da covid-19. Eventos com mais de 100 pessoas, consumo de bebidas alcoólicas na via pública e aulas de condução proibidas.

“Pedimos aos cidadãos se coíbam de fazer todas as deslocações que não sejam absolutamente necessárias”, afirmou esta tarde o ministro da Administração Interna, numa comunicação ao país. Eduardo Cabrita deu como exemplo as deslocações para ir trabalhar, aquisição de produtos alimentares ou a visita a familiares ou dependentes que necessitem de apoio.

O ministro da Administração Interna anunciou ainda que serão adoptadas pelo Governo novas medidas, como a limitação dos eventos em espaços fechados ou abertos a um máximo de 100 pessoas. Eduardo Cabrita apelou a que fossem realizados apenas os eventos “estritamente necessários”.

A redução da capacidade dos restaurantes em um terço aplica-se também às esplanadas, de forma “a garantir o distanciamento social que garanta a segurança de todos”. Adicionalmente, passará a ser proibido o consumo de bebidas alcoólicas na via pública.

A partir de segunda-feira, também as escolas de condução estarão encerradas. Não haverá aulas de condução teóricas ou práticas, nem exames de condução.

Eduardo Cabrita sublinhou que as medidas estão a ser recebidas com civismo e cooperação e que esta é uma “batalha de todos”.