Operadores de telecomunicações estão a enviar mensagens para os telemóveis dos seus clientes com o alerta da Proteção Civil relativamente a “especiais restrições de circulação” entre 9 e 13 de abril.

 

A Proteção Civil está a alertar a população para as restrições de circulação que vão decorrer durante a Páscoa, com vista à prevenção de uma maior propagação do novo coronavírus neste período. O alerta está a ser feito através de mensagens (SMS) que estão a ser enviadas pelas operadoras de telecomunicações para os telemóveis dos respetivos clientes.

Nesta mensagem, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (PROCIV) avisa para as “especiais restrições de circulação” entre 9 e 13 de abril, período em que segundo o determinado na renovação do estado de emergência na semana passada, a população portuguesa está proibida de sair do seu concelho de residência.

Essa saída apenas é admitida pelas autoridades por razões que o justifiquem como deslocações para o local de trabalho devidamente comprovadas ou para apoio a pessoas em carência ou ir ao hospital. A proibição aplica-se caso se desloquem de carro, transportes públicos ou a pé.

Este aviso da PROCIV vem reforçar as decisões das autoridades que têm agentes na rua a controlar se os cidadãos estão a cumprir a determinação do estado de emergência.

Quem precisar de se deslocar para fora do concelho de residência para ir trabalhar, deve ir munido de um documento da entidade empregadora que o comprove. É aconselhado ainda que as pessoas tenham sempre consigo o cartão de cidadão ou carta de condução.

No alerta enviado por SMS, a Proteção Civil indica ainda os seguintes endereços que devem ser consultados para ter mais indicações sobre o que está em causa nestas restrições de circulação:

covid19estamoson

Proteção Civil